Railay Beach

Railay Beach não é uma ilha, mas sim uma praia em uma península que fica na mesma parte de terra de Ao Nang em Krabi, porém para chegar a Railay é somente de barco. Não tem passagem por terra essa informação é super importante.

Incluímos esse lugar no roteiro pela fama de lugar paradisíaco e realmente o lugar faz jus à fama que tem. A paisagem foi uma das mais bonitas que visitei. Tirando Kho Tao que falarei mais tarde.

O lugar é incrível cheio de escarpas, encostas, mar azul e tranqüilidade.

 

A primeira impressão

Chegamos nesta praia através da Ilha de Puket, na época pesquisamos e por esta ilha estava mais barato, porém quando chegamos, não sabíamos que para o nosso destino final o trajeto era somente de barco. Estávamos exaustas da viagem anterior e nem perguntamos se tinha barco para Railay fomos logo pegando o primeiro taxi que alegou nos levar até o hotel (pura mentira). A viagem até Ao Nang durou 3 horas de viagem. Saímos com chuva e eu fui dormindo o tempo todo, vi que saímos por uma ponte para o continente. Quando acordei em Krabi o temporal tinha acabado percebi que o aeroporto de Krabi é bem mais perto e como o táxi foi caro nem valeu à pena ter descido em Puket, mas enfim isso são coisas que só aprendemos na prática.

Photo by Claudia Grunow

Photo by Claudia Grunow

Ao chegarmos a Ao Nang o táxi parou abriu as portas… As duas crentes que tínhamos chegado ao hotel descemos meio tontas de cansaço e… O cara simplesmente colocou nossas malas na calçada e foi embora. Imagina você morta de cansaço, num calçadão onde praticamente todas as placas eram em Tailandês. Na verdade era o calçadão de Ao Nang. Foi ai que percebemos que o taxista nos deixou em uma casinha que vendia passeios de barco. Foi onde caiu a ficha que para chegar o nosso destino tinha mais uns 20 minutos de barco. O preço do barco era caro só para duas pessoas. Tinha que ter mais gente. Para completar eles não faziam viagens a noite e já eram 05h00min PM (17h00min). Depois descobri que tem sim transporte noturno, mas aquela barraquinha em específico encerrava as atividades às 17:00.  Que estresse! Até que um grupo simpático de alemães, umas seis pessoas, apareceram e salvaram o nosso dia. Eu já estava me imaginando dormindo na praça.

O barco bem pequeno parecia um bote, cortava as ondas, contudo molhando tudo. E eu só pensava na minha câmera. Porém chegamos à praia e me apaixonei logo de chegada o portão de entrada foi Railay West. Naquele dia na ilha tinha uma espécie de Copa. Várias crianças com camisetas de times jogando futebol e um clássico Brasil x Alemanha e nem lhe conto quem estava sendo vaiado… Ai a nossa má fama!

Bem, o clássico futebolístico me tirou da minha realidade, mas a distância da minha mala ao hotel me acordou e… Não leve mala de rodinha. Paguei toooodos os meus pecados arrastando aquela mala e quando já não agüentava mais olhei para trás e tinha andado um metro. Céus! Foi muito difícil essa parte!

Chegando ao hotel foi mara! O Hotel é de frente para praia e um luxo só ficou devendo de não me buscar na praia, mas depois de instaladas fomos descobrir os arredores.

Railay basicamente se resume em Pranang, west railay, East Railay e Ton Sai.

Railay West- Melhor local para se hospedar. A praia é um espetáculo. O Lugar tranqüilo, sossegado.
Railay East- É onde tem bastante restaurante, lojas e mercadinhos, mas praticamente não tem praia. Existe praia somente na maré baixa, mas parece um mangue. Essa praia fica muito próxima da West. Em menos de cinco minutos você chega nela.

Ton Sai- também fica perto e onde tem o paredão que as pessoas fazem escalada.
Pragnam- tem a caverna.

No lugar não tem muita estrutura, mas não vai faltar mercadinho, farmácia, restaurantes, lojas e agências de turismo. Porém não é agitada. Ela é boa para casal. Caso você esteja fugindo da agitação esta é a praia certa. O forte dela é belezas naturais e seus rochedos para a prática de escalada.

O que comer na praia?

Tem bastante restaurante bom e barato e a comida que impera é a Thai Food, mas eu indico um de comida indiana nesta ilha, que inclusive tem ganhado notoriedade no trip advisor. O nome dele é KOHI-NOOR INDIAN Restaurant ele fica no meio entre Railay East e West. Para chegar lá é pela estradinha de terra (tem placa sinalizando o restaurante), se for a noite tem que usar lanterna, tem umas lâmpadas em árvores, mas são fracas.
A comida é uma delícia fiquei super impressionada.  Tanto que repetimos no outro dia. Além disso, o atendimento foi de primeira e o valor também foi em conta.

Como chegar?

Importantíssimo! Já falei, mas vou repetir. Para chegar a Railay “Somente” de barco e este sai de Ao Nang. Além disso, como essa praia é uma província de Krabi, se for de avião escolha descer no aeroporto de Krabi. Na época em que fui escolhi descer em Puket, porque o vôo era mais barato, porém pagamos 2500 bth para o táxi (trajeto de 3 horas), nos levar até o Píer. No Píer o barco até Railay custava 1200 bath tivemos que esperar chegar mais gente para ficar mais barato, porém tivemos sorte, pois já era 05h00min PM e não tem barcos a noite. Conclusão economizamos na passagem aérea, mas perdemos o dia e quase tivemos que pagar uns 200 reais até Railay.

Atenção: o Acesso a ela é somente de Barco.

Atenção!
Em Phuket vão lhe oferecer táxi até o hotel, mas é mentira ele vai te largar no Píer e você tem que pagar mais o barco para ir para a praia.

O que fazer?

Além de ficar na praia você pode, conhecer as praias aos redores, ir aos mirantes ou fazer os passeios que as agências oferecem. De Railay tem passeios para praticamente todas as ilhas do lado esquerdo do Istimo de Krab (o braço no mapa saindo da Tailândia). Do lado oposto a Koh Samui, porém não falarei de Phi Phi aqui porque indico ficar em kho Phi Phi ao invés de passar só um dia.

Passeios de um dia você pode fazer:

As four island que engloba:

  • Phranang Cave Beach;
  • Chicken Island;
  • Tub Island;
  • Poda Island.

Hong Island que engloba:

  • Pakbia Island;
  • Lading Island;
  • Hong Island’lagoon;
  • Hong Island Bay.

Além desses passeios você pode ir para a James Bond Island, porém se você tiver pouco tempo vá a Hong Island você não vai se arrepender. As ilhas são maravilhosas. O passeio é rico em paisagem exuberante.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Esses passeios oferecem almoço refrigerante, água e frutas. Além disso, tem o snorkel, suit safe (coletes salva-vidas) e kayaks. Este ultimo tem que pagar um valor maior para usar. Não fizemos aqui porque já tínhamos feito em Kho Samui e percebi que é melhor. Se você tiver interesse faça o passeio que indiquei no post Anthong National Park

Só para a sua segurança quando chegar nestas praias e ilhas do lado esquerdo do istimo de Krabi faça a trilha para descobrir onde fica a rota de fuga em caso de tsunami.

Hospedagem

Photo by Claudia Grunow

Photo by Claudia Grunow

O Hotel que escolhemos foi o Railay Bay Resort. Agendamos a reserva pelo Booking e achei ótimo, tem piscina, café da manhã e é em frente ao mar. Também tem carrinho de golfe pra levar suas malas para o seu bangalô, essa foi a parte que mais gostei, mas ele não te pega na areia.

Photo by Claudia Grunow

Photo by Claudia Grunow

O quarto era imenso e tinha todos os benefícios de um hotel inclusive lanterna e guarda-chuva que foi muito útil.

Este slideshow necessita de JavaScript.



Categorias:Asia, Railay Beach, Tailândia

Tags:, , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: